14/07/2012

JUAN DE LOS MUERTOS aka JUAN OF THE DEAD, 2011: Um genial e surpreendente Zombie Movie cubano.


Faz pelo menos uns dois anos que ouço falar desse projeto do Diretor argentino: ALEJANDRO  BRUGUÉS, sobre uma espécie de Apocalipse Zombie na socialista ilha de Fidel Castro em uma co-produção entre Cuba e Espanha: JUAN DE LOS MUERTOS aka JUAN OF THE DEAD. O título em inglês remete ao clássico de George Romero: DAWB IF THE DEAD, 1977, inclusive um dos cartazes de Juan of the Dead é uma recriação do cartaz do filme de Romero. Com um ácido senso de humor, muita criatividade, bons efeitos Gore, uma trilha sonora  perfeita e ótimos atores  estão causando em Festivais no mundo afora e recebendo prêmios de Melhor Filme segundo o Público e realmente o filme se comunica muito bem com seu público.


A sequência de abertura é excelente. Vemos uma das famosas balsas cubanas que flutuam no mar com o sonho de chegar na Flórida. A imagem da balsa vista debaixo da água além de genial só aumenta a  atmosfera de crescente suspense que caminha com passos fortes nos 100 min de duração desse filme delicioso de assistir e que merece todos os elogios que vem recebendo mundo afora. Já foi distribuído nos cinemas e em DVD/BLU RAY no Reino Unido, na Espanha e até no Japão. A trama se centraliza na figura do carismático Juan, que acabaa criando uma espécie de “Milícia Brancaleone” que persegue e mata sombies. A jornada desse grupo nos surpreendem e até nos chocam, O filme opta por não criar uma justificativa para a praga dos Zombies, a única versão que aparece é a da TV Estatal cubana que culpa os insólitos ocorridos  de serem um ato planejado pelo imperialismo norte americano. Na sequência da balsa na abertura do filme somos sacudidos por dois sustos de pular da cadeira e uma leve relação com o clássico ZOMBIE de Lucio Fulci se apresenta na figura do zombie que mergulha, sem esquecer da aparição de um tubarão em cena.


Interessante a figura da travesti que participa da tal milícia, além das insinuações de homossexualidade em uma espécie de provocação ao regime comunista de Cuba que persegue e criminaliza os gays. A sequência do casal de idosos onde um arpão faz estragos hilários é uma das melhores do filme, onde os amigos acreditam que estão diante, inicialmente de um vampiro e depois de um possuído pelo demônio, só mais tarde eles se tocam que são Zombies, graças a presença de um novo personagem. Muitos efeitos de computação gráfica como a do helicóptero batendo na abóbada do Palácio do Governo, e a chegada das nuvens negras que encobrem Havana. Muitas cenas de lutas, boas piadas nessa espécie de Shawn of the Dead latino. A sequência do caminhão é muito bem realizada, assim como a homenagem aos HQs da série THE WALKING DEAD ao som da cover de Sid Vicious para o clássico My Way de Frank Sinatra. O que impressionou também foi o grande número de figurantes arrebatado pela produção. Tecnicamente o filme é muito bem realizado, com um som maravilhoso, bela fotografia e grandes atores em cena. A mitologia dos filmes de Zombies ganha um novo capítulo com esse divertido e sangrento filme que nos fez rir muito ontem no CineSesc, dentro do Festival de Cinema Latino Americano de São Paulo, com uma cópia impecável em 35mm. Alucinante, com um roteiro criativo e um Anti Herói que consegue chegar ao nível do inesquecível: Ashley de Bruce Campbell. Juan é um sobrevivente, um guerreiro do Terceiro Mundo com todas as ambigüidades, defeitos e qualidades que o fazem ser tão latino e ao mesmo tempo tão universal. Grande performance do ator ALEXIS DIAZ DE VILLEGAS, que pro muito tempo será lembrado como o JUAN DOS MORTOS !!!

2 comentários:

Tony Sarkis disse...

Marcelo.
Bom dia!!
Cara, realmente esse filme é muito bom , o vi ontem (15/07) e dei muitas risadas com o filme, fora as referências aos filmes do Romero e do Fulci.
SIMPLESMENTE MARAVILHOSO!!
IMPERDÍVEL!!!
Obs: o final do filme tocando My Way cantada pelo Sid Vicious é demais mesmo.

Marcelo Carrard disse...

Sexta no CineSesc o assessor de imprensa do filme falou q ele vai sair no Brasil, mas não deixou claro se vai ser lançado nos cinemas ou em DVD e BLU RAY.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...