31/01/2012

MURDER ROCK: Um Giallo musical oitentista ao extremo do Mestre: Lucio Fulci.


Após abrir a década de oitenta com grandes filmes feitos um atrás do outro: ZOMBIE, THE BEYOND, CITY OF THE LIVING DEAD, HOUSE BY THE CEMETERY entre outros,  LUCIO FULCI, o grande Mestre do Horror Cinematográfico Italiano ao lado de Dario Argento e Mario Bava, construiu uma filmografia bastante irregular com filmes geniais como: NEW YORK RIPPER e tranqueiras do inferno como Ghosts of Sodom. No meio de tantos filmes de Fulci, um se destaca por ser um Giallo estranho, com música e coreografia, aliás com trilhas diferentes em alguns momentos nas edições com áudio italiano e com áudio em inglês de MURDER ROCK, 1984. Nos bastidores de um espetáculo de dança moderna, um bando de bailarinas peitudas e sem bunda ensaiam coreografias clássicas dos videoclipes da época, com uma edição e uma fotografia que acompanham essa característica estética típica dos anos 80, mas Fulci consegue imprimir sua marca.


As sequências dos assassinatos das bailarinas ocorrem com todo um jogo de luz e sombra com a utilização de uma enorme agulha que é cravada no peito das vítimas nuas, claro que nosso assassino aparece com as notórias luvas pretas dos filmes Giallo.  Os enquadramentos dos rostos das atrizes aparecem como marca registrada do expressionismo peculiar de Fulci. Boa atmosfera, sombria e densa. Não esperem aqueles deslimites Gore típicos do Diretor, MURDER ROCK parece uma versão mais sombria e contida de NEWTORK RIPPER, mas os fãs mais ardorosos de Fulci, o que é o meu caso, irão gostar.



0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...